Páginas

segunda-feira, 12 de novembro de 2012


                As pessoas quando dizem sobre dízimos e ofertas e sacríficos, acabam se escarnecendo, até mesmo muitos  que se dizem "crentes", porque as pessoas naturais não querem sacrificar, só querem saber de receber.

                Você pode perceber que os incrédulos zombam dos dízimos e das ofertas, porém, não sabem  que enquanto somos fiéis nos dízimos e ofertas para com o nosso Deus, o diabo ao ver a infidelidade para com Deus neste requisito, acaba fazendo a pessoa comprometer seus ganhos com as coisas deste mundo.

                 Ser dizimista é provar o amor para com Deus através das primícias, não é apenas por medo de que o devorador venha tocar na sua vida.

                 Assim a pessoa que não é fiel, desonra a Deus que concede todo seu amor.

                Assim quando a pessoa não devolve os dízimos e as ofertas ela não está roubando a igreja, porém ela passa desconsiderar a Deus.

              Malaquias 3:8 "Roubará o homem a Deus? Todavia vós me roubais, e dizeis: Em que te roubamos? Nos dízimos e nas ofertas."

               Por isso esta é a realidade, a pessoa que ama a Deus considera o seu Criador, como Abel considerou a Ele dando a melhor parte e não o resto como seu irmão que deu o pior a Deus.

                Abel ofertou ao Senhor o primogênito de suas ovelhas, mas seu irmão Caim trouxe frutos da terra. Porém, Deus prestou atenção somente na oferta de Abel, o que deixou Caim triste e irado (Gênesis 4:3-5).

                Por isso as coisas de Deus é loucura para este mundo e a "sabedoria" deste mundo é loucura diante de Deus.

               1 Coríntios 3:19 - Porque a sabedoria deste mundo é loucura diante de Deus; pois está escrito: Ele apanha os sábios na sua própria astúcia.

                Quem quer se voltar para Deus, tem que se voltar primeiro nos dízimos e nas ofertas!

"Trazei todos os dízimos à casa do tesouro, para que haja mantimento na minha casa, e depois fazei prova de mim nisto, diz o SENHOR dos Exércitos, se eu não vos abrir as janelas do céu, e não derramar sobre vós uma bênção tal até que não haja lugar suficiente para a recolherdes. "
Malaquias 3:10


Escrito por: Alan Ferreira Domingues

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...